Booktailors
info@booktailors.com

Travessa das Pedras Negras

N.º 1, 3.º Dto.

1100-404 Lisboa
(+351) 213 461 266

Facebook Booktailors
Twitter Booktailors

FourSquare Booktailors



Facebook Bookoffice


Editoras Nacionais
Livrarias Nacionais
Livrarias on-line
Editoras Brasileiras
Imprensa Brasileira
Blogosfera Brasileira
Eventos no Brasil
Imprensa Internacional

Associações e Institutos de Investigação
Feiras internacionais
Ter, 31/Jan/12
Ter, 31/Jan/12

Jerome Rubin, o homem que não só previu como ajudou os e-books a tornarem-se populares, morreu no início de janeiro em Nova Iorque, aos 86 anos. Leia mais aqui.  

Etiquetas:

por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

O negócio dos e-books vai crescer muito mais depressa do que as pessoas pensam, e as projeções de que cada mil milhões de dólares perdidos no mercado do livro tradicional são ganhos no mercado dos e-books estão erradas. Leia aqui


por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

«A China perdeu a oportunidade de conquistar e seduzir o mundo no século XV quando também era muito forte, disse hoje a escritora taiwanesa Lolita Hu, no segundo dia do Festival Literário de Macau.» Ler no Diário Digital

Etiquetas:

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

«A atração e desconhecimento entre o Oriente e Ocidente e os efeitos da globalização nesta relação foram debatidos hoje por autores de ambos os hemisférios no segundo dia do Festival Literário de Macau, que decorre até sexta-feira.» Ler no Diário Digital

Etiquetas:

por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

 

«Ler Fernando Pessoa, Alberto Caeiro e Ricardo Reis aos quadradinhos? A iniciativa é de uma criadora catalã, que pegou no Livro do Desassossego e em poemas de Pessoa e dos seus heterónimos e concebeu Pessoa & Cia, já disponível nas livrarias espanholas, conforme noticiou o diário espanhol El Mundo.» Ler no Correio da Manhã

Etiquetas:

por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

 

A Fox News atacou recentemente os heróis da DC Comics, acusando as bandas desenhadas de incluir cenas de sexo, violência e embriaguez. A reportagem da Fox 5 alegava que a editora dos títulos de Batman e Super-Homem estava a tornar os livros lançados recentemente demasiado agressivos. Leia mais aqui.    


por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

A venda dos e-books aumentou mais de 145 % em Julho. Ao contrário dos livros de bolso, que se focam em capas apelativas para atrair os leitores, estes novos livros digitais parecem não precisar de um design atrativo para se tornarem um sucesso. Leia mais aqui.


por Booktailors às 11:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

«Helder Moura Pereira (Setúbal, 1949) é o vencedor do Prémio de Poesia Luís Miguel Nava 2011 com o livro Se as Coisas Não Fossem o Que São, editado pela Assírio & Alvim. O prémio, no valor de cinco mil euros, é bienal, sendo portanto referente aos livros publicados em 2009 e 2010.» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 10:03 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

Veja aqui a lista dos melhores livros de mistério nomeados pelo Mystery Writers of America para os Edgar Awards de 2012. 

Etiquetas: ,

por Booktailors às 10:00 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

 

Para anunciar o lançamento de vários dos seus livros, a Harper Perennial decidiu juntar-lhes um animal que já se revelou um sucesso na Internet: o gato. Criou um anunciou original e que sobressaía dos seus pares, mas terá sido eficaz? O problema é que as pessoas mais depressa se lembram dos adoráveis gatos do que dos livros anunciados. Leia aqui


por Booktailors às 09:30 | comentar | partilhar

Ter, 31/Jan/12

 

O que une José Rodrigues dos Santos a Rogério Casanova? Guilherme Valente, fundador e editor da Gradiva, sabe e conta-o nesta entrevista. Não gosta do título de editor independente e admite que este é o momento de recorrer ao mealheiro. E como sobreviverá uma editora que aposta na divulgação da ciência num país em que desaparecem os leitores?

 

Qual a maior dificuldade que um editor independente sente no dia a dia?

Não acho adequado o sentido com que anda a ser usada a expressão «editor independente». Independente de quem ou de quê? Todos os editores, que eu saiba, são independentes, não estão a cumprir qualquer desígnio que não seja editarem.

 

Qual a situação mais delicada por que passou enquanto editor?

Delicada, no sentido de difícil, só me recordo da situação que vivíamos antes do 25 de Abril, um tempo em que chegavam a apreender livros (nas editoras onde então trabalhei) por causa do texto numa contracapa. Ou seja, uma contingência sempre imprevisível, até ao ridículo. Muitas vezes percebia-se a razão (e podíamos prevê-lo), mas outras estupidamente — ou talvez não, porque o objetivo era sempre também fragilizar a editora. Um exemplo: num pequeno livrinho duma coleção das Publicações Dom Quixote, dedicado à questão da Irlanda, de que fui autor, escrevi na contracapa, para ilustrar a fotografia de um edifício em chamas, algo como isto: «Não há exército que consiga apagar o incêndio que devasta a Irlanda.» E o censor terá visto no meu texto uma alusão à guerra colonial… e viu bem.

 

Mas conseguíamos passar muitas mensagens, claro, muitas vezes no fio da navalha. Um exercício de criatividade, cujo êxito nos divertia muito.

 

Se a pergunta se refere a dificuldades económicas na minha condição de editor da Gradiva, respondo que temos sabido antecipar-nos sempre. Treino a antecipação todos os sábados no jogo de futebol com os meus Amigos.

 

Num outro sentido acrescento ainda que a maior dificuldade para uma editora como a nossa é a morte da escola, o domínio do analfabetismo e do iletrismo, a perda do desejo de saber, da curiosidade e da liberdade intelectual. Por isso é tão relevante publicar livros que façam leitores. Para acompanharmos um espírito livre em permanente inquietação e indagação intelectual — esse é um intelectual! — e, já agora, para nos apercebermos da miséria da nossa realidade intelectual dominante de hoje, leiam-se as cartas de António José Saraiva para Luísa Dacosta, um livro que acabámos de publicar, de que os especialistas em livros não irão falar, claro. Um bálsamo para quem o ler.

 

O que devem os editores saber rapidamente, sob pena de desaparecerem?

Disse-me um dia um grande editor americano que a atividade empresarial da edição é a mais difícil de todas. Quem tiver êxito nesta atividade empresarial terá em qualquer outra, disse-me. Uma editora como a Gradiva vive com gente culta e de talento. E depende da sobrevivência de leitores, de curiosidade intelectual e desejo de saber.

 

Como é a sua relação com o autor bestseller José Rodrigues dos Santos?

Perfeita. É um homem com uma inteligência brilhante e muito pragmático.

 

O que esteve por detrás da ideia de criar a Gradiva?

Contribuir para mudar a cultura portuguesa, pensando desde logo na promoção da cultura científica e na educação. Parecia uma ambição delirante, mas não esqueço o que o meu Amigo Professor Sedas Nunes me disse quando considerei a possibilidade de criar uma editora, hipótese que ele muito encorajou e apoiou: «O País precisa mais de um grande editor do que de mais um grande professor, não hesite.» O Professor Sedas Nunes era muito meu Amigo, de qualquer modo, sem falsa modéstia, acho que não o teria dececionado completamente.

 

Na verdade, não conseguimos tanto como sonhámos, mas tive testemunhos de que o nosso trabalho terá contribuído para a descoberta de algumas vocações e para suscitar outras iniciativas. Curiosa e surpreendentemente, nem só de Portugal. E houve mesmo um tempo, breve, em que o resultado da nossa intervenção se manifestou nas escolas. Depois veio o eduquês, e aconteceu o que Mário de Sottomayor Cardia bem previu, bem antes de eu o ter começado a combater — o eduquês com o seu efeito de idiotização geral. E a Gradiva trouxe-me Amigos fantásticos, que alimentam hoje a minha vida, a minha vontade de continuar a combater.

 

É dos poucos editores que não têm medo de dizer que ganham dinheiro com o seu trabalho. Quais os segredos da Gradiva e afinal quanto vale a editora?

Não me ficará mal revelar um dos segredos: as pessoas, as pessoas competentíssimas e generosas (generosas também porque conseguem ser minhas Amigas) que me rodeiam, o espírito da Gradiva, que também a mim me condiciona e de que se apercebe logo quem vem conviver connosco. Se há atividade em que a qualidade intelectual, profissional e humana das pessoas é decisiva, é a edição.

 

A editora, como caso singular que é, não tem preço. Quanto ao dinheiro que a Gradiva ganhou, podemos agora, temos agora, de começar a ir ao mealheiro.

 

Que projetos podemos esperar para o futuro da Gradiva?

Grandes livros, ainda mais rigorosamente selecionados, nos vários géneros que publicamos, desde logo na ciência (agora, uma verdadeira resistência). Enfim, livros de que a generalidade da crítica de hoje não é capaz de falar, mas que os nossos leitores esperam de nós e sabem apreciar.

 

Acho, aliás, ao contrário do que muita gente nesta atividade me parece continuar a pensar, que muito em breve só haverá mesmo lugar para os grandes livros.

 

Os e-books não serão capazes de salvar a leitura na dimensão que estou a referir. De facto, temos estado a assistir (há muitos indicadores disto) ao fim da leitura enquanto fenómeno generalizado, instrumento estruturante praticado, promovido, pela escola. Restará uma elite cada vez mais restrita. Repare que mesmo nas universidades já se lê muito pouco — não apenas os alunos, mas também os professores. Vou anualmente a uma Universidade participar em aulas ou conferências e todos anos vou verificando crescentemente isso. E os meus Amigos professores sentem e verificam o mesmo. A partir de 1500 (período em que grandes especialistas consideram ter ocorrido a única revolução total) não houve nenhuma grande manifestação humana, nas artes, nas ciências, etc., que não implicasse, de algum modo, a leitura e o livro. Estaremos a viver o fim dessa era?

 

Se pudesse fazer uma pergunta ao atual secretário de Estado da Cultura, qual seria?

Com o meu Amigo Francisco José Viegas tenho muitos temas para agradáveis e enriquecedoras conversas. Ao Secretário de Estado da Cultura não tenho nada para perguntar.

 

Dê-nos uma boa ideia para o setor editorial português.

Ter boas ideias próprias. Além da vergonha que devia ser andar atrás das boas ideias e dos bons autores que outros descobriram, a falta de ideias próprias traduz-se numa empobrecedora falta de diversidade editorial e, logo, intelectual e cultural.

 

Como vê as críticas que apontam a inclusão de José Rodrigues dos Santos como um fator de deterioração do catálogo da Gradiva?

Li com muito interesse e sempre com grande proveito todos os livros de José Rodrigues dos Santos. Se não fosse assim, não o publicaríamos. Recusei muitos livros que sabia irem ser bestsellers (perdoem-me não dizer quais). Também sempre achei incompreensível aquela ideia que se tornou quase um slogan: «Publicamos os maus para podermos publicar os bons.»

 

Hoje, infelizmente, não leio tanta ficção como gostaria, mas estou a ler cada vez mais outra vez, sobretudo os clássicos que não li na altura própria — eu que julgava ter lido tudo. Tenho uma filha que é leitora compulsiva e se mete muito comigo por não ter lido o que ela já leu… Leio igualmente alguns autores contemporâneos, autores que o nosso meio literato promove muito, e interrogo-me: será que daqui a 50 anos alguém falará neles ainda? Que autores resistirão ao julgamento isento do tempo? A História está cheia de revelações surpreendentes.

 

Sabe, José Rodrigues dos Santos comete o pecado que entre nós, Portugueses, é o mais difícil de ser perdoado: o do êxito.

 

A inveja é um sentimento humano universal. Mas entre nós, na nossa cultura dominante, manifestamo-la de um modo terrível, autoflagelador (esse sentimento — ao contrário do que no meio popular se costumava ouvir — fere é quem o sente e exerce): tenta-se destruir os que invejamos, em vez de se tentar perceber o que os faz serem o que são e conseguirem o que conseguem e, assim, ir-se mais além, para benefício próprio e de todos. A visão do outro traduz-se, deste modo, numa dialética negativa, de que resulta uma diminuição de nós próprios, em vez de se traduzir numa dialética positiva, a superação das nossas próprias limitações.

 

E já agora, porque falamos em José Rodrigues dos Santos e estamos na época das prendas, vou oferecer ao Blogtailors uma «cacha»: não é José Rodrigues dos Santos, de facto, o autor dos livros publicados com o seu nome. O verdadeiro autor é… Rogério Casanova!

 

 

 

Guilherme Valente nasceu em Leiria a 1 de julho de 1941. Licenciado em Filosofia e pós-graduado em Relações Interculturais. É um dos editores mais prestigiados, no país e no estrangeiro, cultural e empresarialmente. Trabalhou nas Publicações Europa-América, nas Publicações D. Quixote e na Editorial Presença, editoras em que assumiu várias funções, tendo sido responsável pela publicação de inúmeras obras e por inúmeras iniciativas de promoção do livro e da leitura. Criou a editora Gradiva em 1981, um projeto editorial cuja novidade, qualidade e ação cultural têm sido amplamente reconhecidas. Criou e dirige na sua editora várias colecções pioneiras dedicadas à divulgação científica, à ciência, à matemática. Foi condecorado, em 1993, pelo presidente da República Dr. Mário Soares, com a comenda da Ordem do Infante D. Henrique, pelo contributo continuado e diversificado que tem prestado para a valorização da cultura portuguesa. Em 1998, foi agraciado pelo presidente Dr. Jorge Sampaio com o grau de Grande Oficial da Ordem do Infante D. Henrique, pelo trabalho pioneiro e continuado persistentemente na valorização da cultura científica e do interesse pela ciência, particularmente entre as novas gerações.

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.


por Booktailors às 09:00 | comentar | ver comentários (1) | partilhar

Seg, 30/Jan/12
Seg, 30/Jan/12

 

A partir desta semana, a editora britânica Albertas Press pretende quebrar um dos maiores tabus da Alemanha editando partes da obra de Adolf Hitler Mein Kampf, acompanhadas de comentários críticos. Leia aqui.   

Etiquetas: ,

por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

«Oito áreas com diferentes categorias para uma gala a transmitir em directo pela RTP1 a 27 de Fevereiro, a partir do Centro Cultural de Belém, em Lisboa. Os jurados convidados pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA) já fizeram as suas escolhas e na longa lista dos nomeados aos prémios de 2012 estão escritores como Mário Cláudio e Valter Hugo Mãe, realizadores como João Canijo e Ana Sousa Dias, e as actrizes Rita Blanco e Beatriz Batarda.» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 16:30 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

«A lei orgânica do Camões - Instituto da Cooperação e da Língua, que irá juntar na mesma tutela as políticas da língua e cooperação, foi publicada hoje em Diário da República, entrando em vigor na quarta-feira.» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 16:24 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

O blogue Pó dos Livros desafia os seus leitores a votarem no que consideram ser o Livro Maldito por excelência. Entre os nomeados estão a Bíblia, o Alcorão, Mein Kampf ou mesmo A Origem das Espécies de Darwin. Pode ver a lista completa e votar aqui.   


por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

«A Livraria Portugal fecha as suas portas na Rua do Carmo, em Lisboa, dentro de dois meses mas continua a funcionar no segundo andar, "para os assinantes da revista e expedições para o estrangeiro", afirma ao DN o sócio e gerente António Machado. Até lá há 20% de desconto nos livros.» Ler no Diário de Notícias

Etiquetas:

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

As empresas de estudo de mercado Nielsen e GFK querem apurar quais os livros mais vendidos no Brasil, país que neste momento não possui nenhum órgão de aferição de vendas e depende dos dados pouco fiáveis das editoras e livrarias. Leia aqui


por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

O ilustrador Gémeo Luís foi um dos selecionados para a exposição de ilustração da Feira do Livro Infantil de Bolonha. É o único português dos 72 artistas candidatos ao prémio de 23 mil euros, com a possibilidade de edição de uma obra pela fundação SM. Leia aqui.


por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

«O jornal francês La Tribune despede-se das edições em papel, passando apenas a existir em versão digital, mas a mudança ocorre num clima de tensão entre trabalhadores e administração.» Ler no Diário Digital

Etiquetas:

por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

«O responsável da livraria Camões no Rio de Janeiro, José Estrela, comemorou hoje a decisão da Imprensa Nacional-Casa da Moeda, de manter o estabelecimento, em parceria com a Livraria Almedina.» Ler no Diário Digital

Etiquetas:

por Booktailors às 11:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

«Este ano o grande prémio do Festival Internacional de Banda Desenhada de Angôuleme foi para o francês Jean-Claude Denis, autor do aclamado Quelques mois à l’Amélie e da série “Luc Leroi”.» Leia no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 10:08 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

Começa hoje, às 19.30, a primeira sessão de «um livro para…» na livraria Pó dos Livros, em Lisboa. Coordenado por Andreia Brites, o primeiro encontro tem como tema «Os medos». O objetivo das sessões, agendadas para dia 13 e 17 de fevereiro e 12 de março, entre as 19.30 e as 21.00, é discutir questões como para quem se destinam os livros, por que são bons e como devem ser abordados. Leia mais aqui e aqui


por Booktailors às 10:00 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

As livrarias Bertrand criaram um questionário on-line rápido, anónimo e confidencial para melhor conhecer os hábitos de leitura e consumo de livros dos portugueses. Pode responder ao questionário aqui.


por Booktailors às 09:30 | comentar | partilhar

Seg, 30/Jan/12

 

Os livros que estavam na casa do prémio Nobel em Lisboa começaram a ser transportados para a Casa dos Bicos, a sede da Fundação Saramago. A abertura da Casa ao público continua prevista para a primavera deste ano. Leia mais aqui

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.

Etiquetas: ,

por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Dom, 29/Jan/12
Dom, 29/Jan/12

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.

Etiquetas:

por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Sáb, 28/Jan/12
Sáb, 28/Jan/12

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.

Etiquetas:

por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12
Sex, 27/Jan/12

Relembramos que está aberto o período de votação para a 4.ª edição dos Prémios de Edição LER/BOOKTAILORS.

 

Os interessados poderão votar até dia 15 de fevereiro. A votação do público contará 20 % na eleição final dos vencedores.

A cerimónia de entrega decorrerá na 13.ª edição das Correntes D’Escritas, no dia 25 de fevereiro, pelas 19.30. 

 

Para votar e seguir os resultados vá ao blogue dos Prémios de Edição LER/BOOKTAILORS.


por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

Em 2011 o mercado dos e-books representou 10 % do total de vendas, embora haja editoras que afirmam que as versões digitais representam mais de 50 % das vendas das suas edições. Este números devem-se ao facto de cada vez mais pessoas terem um e-reader, e este crescimento é cada vez mais exponencial. Leia aqui.


por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12


A pequena chancela de uma grande editora encontrou um modelo que parece funcionar. Descubra aqui.

Etiquetas: ,

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

«Víctor García de la Concha, que entre 1998 e 2010 dirigiu a Real Academia Espanhola (RAE), foi o nome escolhido pelo Governo espanhol para a presidência do Instituto Cervantes. Esta confirmação surge assim uma semana depois de Mario Vargas Llosa ter recusado o convite para o cargo.» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 14:54 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

Via Bibliotecário de Babel.

Etiquetas:

por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

Um dos assuntos mais debatidos no mundo literário é o dos e-books e as bibliotecas. Como é que se deve adaptar o digital num formato que tem por base os livros impressos? Leia aqui.


por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

«Álvaro Pons (1966, Barcelona) é professor da Universidade espanhola de Valência, crítico e estudioso de banda desenhada. É nesta última qualidade que foi convidado para comissariar a exposição sobre a banda desenhada espanhola que representa o país no Festival de BD de Angoulême, a decorrer entre hoje e domingo naquela cidade francesa.» Leia a entrevista no Público

Etiquetas: ,

por Booktailors às 12:22 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

Uma tradução recente da Bíblia foi um sucesso de vendas na Noruega, mantendo-se no top das tabelas praticamente todas as semanas desde o seu lançamento, em outubro passado. Há quem atribua este recorde ao impacto profundo que os crimes em Utøya e Oslo do verão passado tiveram no país. Leia no The Guardian.


por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

Psicólogos da Universidade de Washington acreditam que ler estimula o cérebro humano. Independentemente do formato, impresso ou digital, o importante é que se leia. Leia no The Guardian


por Booktailors às 11:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

O mercado dos livros está em mudança com os e-books e a Amazon, mas as editoras ainda podem desempenhar um papel vital no processo. Podem focar-se na conceção do livro em todos os formatos, seja impresso, digital ou áudio, por exemplo, ou em criar uma excelente comunicação entre autores e leitores. Leia mais no The Guardian


por Booktailors às 10:00 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

A consultora GFK apurou que em Espanha foram vendidos cerca de 280 000 e-readers, mas que os seus utilizadores não compraram mais de 190 000 e-books. Isto pode acontecer pelo facto de não se poder presentear alguém com um e-book, prática comum com os livros impressos, ou mesmo porque muitas versões digitais de clássicos da literatura já estão disponíveis para download gratuito. Leia aqui.   


por Booktailors às 09:30 | comentar | partilhar

Sex, 27/Jan/12

 

O autor americano Paul Auster lançou o seu primeiro livro em versão digital no dia 19 de janeiro, enquanto a versão impressa de Winter Journal só está disponível nas livrarias dia 1 de fevereiro. Leia aqui.

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.


por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12
Qui, 26/Jan/12

 

A partir do próximo dia 31 de janeiro, o Blogtailors passará a publicar semanalmente entrevistas exclusivas a figuras importantes do panorama editorial português, sobre temas como a expansão dos grupos editoriais para o mercado brasileiro, o Acordo Ortográfico ou a diminuição da presença da cultura nos meios de comunicação social.

 

As «Entrevistas Booktailors» vão ser publicadas todas as terças e quintas. A rubrica começará com Guilherme Valente, autor, editor e fundador da editora Gradiva.


por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

 

«Um fã das obras de J.R.R. Tolkien criou uma árvore genealógica de todas as personagens que habitam o mundo fictício da "Middle Earth".» Leia no Diário Digital

Etiquetas:

por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

 

Que livros do género são apropriados para crianças? Haverá algum tipo de Harry Potter na ficção científica? Leia aqui.   

Etiquetas:

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

Um novo estudo mostra que cada vez menos editores têm esperança no futuro das suas empresas na transição para os formatos digitais dos livros. O ano passado, 51 % dos CEO das editoras achavam que a mudança era vantajosa, mas este ano só 28 % continuam com a mesma opinião. Leia aqui.  


por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

 

Tem vergonha de admitir que às vezes passa páginas num livro? Será que é assim tão importante ler alguns livros na íntegra? Descubra aqui


por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

«Mais de uma centena de artistas das mais variadas áreas subscreveram um abaixo-assinado promovido pela Sociedade Portuguesa de Autores (SPA) que exige uma nova lei da Cópia Privada.» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 12:45 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

Apesar de ter sido afastado da corrida aos Óscares deste ano, o The New York Times entrevistou Miguel Gonçalves Mendes sobre José e Pilar. O realizador falou sobre a sua admiração por José Saramago, do seu medo da morte e do filme, que considera estar cheio de «desejo de viver». Ler aqui.

Etiquetas: ,

por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

A melhor forma de atrair um leitor é começar um livro de uma forma que o faça querer ler mais. Veja aqui exemplos de autores que o conseguem fazer, como Margaret Atwood em Cat’s Eye, Tolkien com The Hobbit ou mesmo Vladimir Nabokov em Lolita

Etiquetas:

por Booktailors às 11:00 | comentar | ver comentários (1) | partilhar

Qui, 26/Jan/12

 

A série britânica Downton Abbey está a cativar as audiências nos Estados Unidos, e as editoras americanas já arranjaram uma forma de aproveitar o seu sucesso. A Random House, por exemplo, usa o tempo que a série está a ser transmitida na televisão para publicar na rede social do Twitter sugestões de livros que os amantes de Downton Abbey também podem apreciar. Leia aqui


por Booktailors às 10:00 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

 

Começa hoje o Festival Internacional de Banda Desenhada de Angoulême que decorrerá até dia 29 de Janeiro. Leia no Público


por Booktailors às 09:30 | comentar | partilhar

Qui, 26/Jan/12

A Biblioteca Nacional de Portugal acabou de lançar, na sua plataforma específica associada à Livraria Online, as suas edições em formato digital. É possível alugar ou comprar as edições cuja leitura é feita com um software gratuito compatível com Windows, Apple, iPad, iPhone e Android. Os preços das versões digitais dos livros diminuem 50 % do seu valor em formato impresso, enquanto um aluguer com duração de 5 dias custa apenas 1 euro. Leia no Público.   

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.


por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12
Qua, 25/Jan/12

 

A Amazon decidiu «remodelar» a sua Kindle Store de modo a ser acessível para os utilizadores do iPad. A empresa afirma assim a sua concorrência, tentando cativar os utilizadores do produto da Apple que ainda não se habituaram à plataforma de e-books iBooks. Leia aqui.


por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

Para enfrentar um futuro digital, as editoras têm de encarar não as empresas de vendas a retalho mas os consumidores como os seus principais clientes. Leia aqui


por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

Quando autores são apanhados a plagiar, muitos preferem o silêncio, mas há os que optam por tentar desculpar-se, como «tenho uma memória fotográfica» ou «usámos os dois a mesma fonte de informação». Veja mais desculpas aqui.  

Etiquetas:

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

O número de leitores que optam por comprar um Kindle está a aumentar drasticamente no Reino Unido, assim como o número de autores que decidem editar as suas obras independentemente através do Kindle Direct Publishing ou de Lulu.com. É o caso da jornalista Kerry Wilkinson com o seu primeiro livro. Depois de o ter escrito e mostrado a alguns amigos, decidiu editá-lo independentemente através da Amazon. Sem nenhum tipo de publicidade tradicional, conseguiu vender 100 00 exemplares até à véspera de Natal. Leia no The Guardian

Etiquetas:

por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

«O melhor livro do ano é Pure, do jornalista e escritor Andrew Miller, anunciou na terça-feira o júri do prémio literário Costa Book. A história de um jovem engenheiro responsável pela supervisão da demolição do cemitério mais antigo de Paris valeu a Miller 30 mil libras (35 mil euros).» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 13:50 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

Não é novidade para ninguém que muitos filmes são adaptados de livros, e normalmente o resultado é uma verdadeira desilusão. No entanto, há adaptações que conseguem igualar ou mesmo superar as obras em que são baseadas. É o caso de Jurassic Park, Fight Club, Trainspotting, entre outros. Veja aqui.  

Etiquetas: ,

por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

«O escritor Salman Rushdie acusou hoje o governo indiano de sacrificar a liberdade de expressão no país ao impedir a sua participação num festival literário, por pressão dos islamitas e eleitoralismo.» Ler no Diário Digital

Etiquetas:

por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

São as personagens, reais ou imaginárias, que vivem nas livrarias que as tornam interessantes. Leia mais no The Guardian.

Etiquetas:

por Booktailors às 11:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

A autopublicação não é nada de novo no mundo da edição; autores como Mark Twain, Virginia Woolf, Alexandre Dumas, entre outros, já o faziam. Veja aqui o gráfico que compara a edição tradicional com os novos formatos.  


por Booktailors às 10:00 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

 

«Quarenta e três textos inéditos de Fernando Pessoa sobre sebastianismo e o Quinto Império foram encontrados na sua famosa arca pelos investigadores Pedro Sepúlveda e Jorge Uribe e publicados com outros 58 já conhecidos sobre o mesmo tema.» Leia no Público e iOnline

Etiquetas:

por Booktailors às 09:55 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

Assim como a transição para o digital está a «abalar» o conceito de livro, o papel do autor também está a ser alterado. Embora ainda haja autores que preferem o anonimato, como J. D. Salinger, outros estão a utilizar as redes sociais parar comunicar cada vez mais com o leitor, permitindo-lhe também influenciar os seus livros. Entre as redes mais citadas pelos autores está o Twitter, utilizado por Salman Rushdie, por exemplo. Mas será a sociabilidade um fator determinante na definição de autor? Pode não ser, mas ajuda. Leia aqui


por Booktailors às 09:30 | comentar | partilhar

Qua, 25/Jan/12

«Não conheço nenhuma receita para fazer um leitor, embora suspeite de que há coisas que ajudam muito. Se, por exemplo, houver livros em casa – e os pais forem, eles próprios, leitores –, se as crianças tiverem quem lhes leia histórias desde pequeninas, interiorizarão a leitura como uma actividade natural e não resistirão a tentar. Mas creio ser necessária uma espécie de clique desencadeado por um livro particular (que nunca se sabe qual é) para existir paixão – e é essa paixão que determinará o hábito, a repetição do gesto e a capacidade de se enfrentar o fiasco que se pode tornar a leitura de um título e, ainda assim, não desistir de procurar outro.» Ler aqui

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.

Etiquetas:

por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12
Ter, 24/Jan/12

 

Veja a lista do The Guardian de todos os eventos, prémios, lançamentos e novidades do ano de 2012 no mundo literário britânico. 

Etiquetas:

por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12


Autores recorrem cada vez mais a títulos reciclados. Leia mais no The Guardian.

Etiquetas:

por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

As estratégias que fazem com que a Amazon seja uma empresa tão bem-sucedida. Descubra aqui.




Etiquetas:

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

Com a subscrição do The New York Times ou da revista People, a Barnes & Noble disponibilizará um tablet Nook gratuitamente ou com desconto até 9 de março. A iniciativa pretende não só aumentar o número de subscrições a estas publicações mas também o número de utilizadores do Nook. Leia mais aqui


por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

 

Os e-books podem vir a incorporar links que tornem a leitura mais interactiva. Leia mais aqui.


por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

«Duas primeiras edições de obras de Fernando Pessoa - a Mensagem, de 1934, e 35 Sonnets, de 1918 - ambas dedicadas e autografadas pelo poeta, serão leiloadas a 31 de janeiro pela Leiria & Nascimento.» Ler no Diário Digital e no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

«O assessor da Presidência do Senado brasileiro, Joaquim Campelo, poderá ser investigado por crime de peculato, devido a uma doação, supostamente irregular, à editora portuguesa LeYa.» Ler no Público.

Etiquetas:

por Booktailors às 11:15 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

John Biggs escreve sobre como os livros tradicionais vão desaparecer nos países desenvolvidos, a diminuição de preço dos e-readers, e as livrarias vão tornar-se cada vez mais difíceis de encontrar. Para ler aqui.


por Booktailors às 11:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

«Compreendo que, ao ritmo a que os livros são publicados, as livrarias lutem por falta de espaço e se livrem daqueles que vendem menos. Mas porque não dão a possibilidade ao cliente de encomendar o livro? Com as tecnologias actuais, isso poderá ser tudo, menos difícil. Mas, mesmo que não se queiram dar a esse trabalho, que digam algo como: sinto muito, mas já não negociamos esse livro! É bem diferente de dizer que está esgotado!» Ler na íntegra aqui

Etiquetas:

por Booktailors às 10:00 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

 

Começa hoje a Feira Internacional do Livro de Cairo que decorrerá até 6 de Fevereiro. 


por Booktailors às 09:30 | comentar | partilhar

Ter, 24/Jan/12

Curso de Livro Infantil,

por Carla Maia de Almeida

 

Objetivos:

Este curso não é uma oficina de escrita nem está vocacionado para a formação do leitor e para as ações pedagógicas associadas à leitura. Pretende-se, sim, explorar o universo do livro infantil tomando-o como objeto total, privilegiando a componente literária, mas sem negligenciar outros campos como a ilustração, a edição ou a sua evolução histórica. Será dado ênfase ao livro para crianças e não para adolescentes, que consideramos integrado numa lógica de funcionamento própria. Serão mostrados e trazidos à discussão dezenas de títulos, sejam portugueses, traduções ou originais noutras línguas. Estas escolhas refletem o gosto pessoal e as idiossincrasias da formadora e não têm qualquer pretensão de exaustividade nem de doutrinação.

 

Público-alvo:

Estudantes de literatura, edição e educação; professores, bibliotecários e educadores; pais e outros mediadores da leitura junto das crianças; ilustradores; livreiros. Todos os que gostam de ler livros para crianças.

 

Formadora:

Carla Maia de Almeida (Matosinhos, 1969) é jornalista freelancer, escritora, formadora e tradutora na área do livro infantil. Atualmente, é responsável pelas páginas de divulgação e crítica de livros para crianças na revista LER. Licenciada e pós-graduada em Comunicação Social pela Universidade Nova de Lisboa, tem uma pós-graduação em Livro Infantil pela Universidade Católica Portuguesa. Na Caminho, publicou O gato e a Rainha Só (ilustrações de Júlio Vanzeler, 2005), Não Quero Usar Óculos (ilustrações de André Letria, 2008), Ainda Falta Muito? (ilustrações de Alex Gozblau, 2009) e Onde Moram as Casas (ilustrações de Alexandre Esgaio, 2011). Foi a primeira autora de livros para crianças a beneficiar de uma residência no estrangeiro com o apoio da Direção-Geral do Livro e das Bibliotecas, em outubro de 2010. Escreve sobre livros e não só no blogue O Jardim Assombrado.

 

Programa:

1.ª Sessão: Era uma vez um reino incerto

Introdução ao curso. Que coisa é essa da «literatura infantil?». Origens e desenvolvimento do livro para crianças em Portugal. Do livro de conceitos ao romance juvenil: diferentes géneros de um produto editorial específico mas pleno de ambiguidades. Breve panorama do mercado do livro infantil. A quem serve a crítica da literatura infantil.

 

2.ª Sessão: Contar para dar nomes às coisas

Os contos como desdobramento da vida interior e construção de sentido. Contos de fadas, contos tradicionais ou contos maravilhosos? O lobo mau não é vegetariano – sobre a temida crueldade dos contos. Não há temas difíceis, apenas livros que funcionam (ou não). A importância de contar histórias e o impacto da tradição oral no livro infantil.

 

3.ª Sessão: Some like it hot

Características e especificidades da tradução de livros para crianças. Alguns exemplos práticos. Autores estrangeiros – das coleções de clássicos da era de ouro das publicações juvenis aos autores contemporâneos e indispensáveis num Plano Pessoal de Leitura. Picture books: a nossa seleção incompleta.

 

4.ª Sessão: A arte de iluminar as palavras

Breve História da ilustração de livros para crianças. Diferentes linguagens e técnicas de ilustração. A expansão do picture story book (ou álbum) como campo contemporâneo de experimentação estética. Relação entre texto e imagem. O elo perdido no virar da página de um picture story book. Pop-ups e livros só com imagens são literatura?

 

5.ª Sessão: Posso usar a palavra «vislumbrar»?

Escrever para crianças: a ilusão da facilidade. Transformar o simples em complexo e vice-versa. Ritmo, fluência, densidade e substância. As boas ideias caem do céu. A perceção cosmológica da criança segundo Bachelard. Os Dez Mandamentos do Escritor. Escritores de livros para crianças e autoimagem. Um PPL – Plano Pessoal de Leitura.

 

6.ª Sessão: Isso não é para a tua idade!

Como escolher livros para crianças. Chaves de interpretação qualitativas para texto e ilustração. Erros mais frequentes. Orientação de leituras por idades, interesses temáticos e personalidade. Cativar o leitor relutante. A leitura literária como suporte de valores para o autoconhecimento e interação da criança com o mundo.

 

Sugestões bibliográficas:

A Emancipação da Literatura Infantil, Manuel António Teixeira Araújo (Campo das Letras);

A Formação do Leitor Literário, Teresa Colomer (Global Editora);

Breve História da Literatura para Crianças em Portugal, Natércia Rocha (Caminho);

Children’s Literature, Peter Hunt (Blackwell Publishing);

Contar Con Los Cuentos, Estrella Ortiz (Palabras del Candil);

Illustrating Children's Books, Martin Salisbury (A & C Black);

Crítica, Teoria e Literatura Infantil, Peter Hunt (Cosac Naify);

Poética da Literatura para Crianças, Zohar Shavit (Caminho);

Psicanálise dos Contos de Fadas, Bruno Bettelheim (Bertrand);

Mujeres Que Correm Com Los Lobos, Clarissa Pinkola Estés (Ediciones B);

Words About Pictures, Perry Nodelman (Georgia).

 

Dados técnicos:

N.º de sessões: 6.

Datas: 2, 4, 9, 11, 16 e 18 de Abril de 2012.

Horário: 18h30-21h30.

Total de horas: 18.

Propina: 225,00 €.

Descontos: 10% para todos os ex-alunos Booktailors e estudantes. 50% para desempregados e recém-licenciados. (Descontos não acumuláveis.)

Local da formação: Bookoffice - Rua dos Fanqueiros, N.º 96 3.º Esq., 1100-232 Lisboa.

 

Para se inscrever, por favor envie CV (com a referência: LivInf IV) para: formacao@booktailors.com.

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Lisboa] Gestão de Projectos Editoriais, Oficina sobre o novo Acordo Ortográfico, Oficina de Preparação de Original em Ambiente Digital, Revisão de Texto - nível inicial; [Porto] Gestão de Projectos Editoriais, Revisão de Texto - nível intermédio.

Etiquetas:

por Booktailors às 09:00 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12
Seg, 23/Jan/12

A editora, que chega ao Brasil em março, continua a ver os livros como obras de arte. É por isso que a fundadora, Bárbara Bulhosa, afirma que «não são livros direcionados para a massa, não trabalhamos com bestsellers. São livros feitos para pessoas que realmente gostam de ler». Nesse sentido, e com a intenção de lançar autores portugueses no Brasil, as primeiras obras que a tinta-da-china vai levar para o país são de Alexandra Lucas Coelho, Dulce Maria Cardoso e Ricardo Araújo Pereira. Leia aqui

Etiquetas:

por Booktailors às 17:00 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12

 

Na passada quinta-feira, a empresa anunciou o lançamento da segunda versão do iBooks, que permite o uso interativo de manuais, o iBooks Author, uma plataforma de autopublicação, e o iTunes U, que disponibiliza aos professores a criação e distribuição de cursos que recorram a suportes áudio e vídeo, por exemplo. Já avançam comentários que garantem que os novos manuais vão revolucionar o ensino, permitindo a interação dos alunos com o texto através de imagens em slideshow, links nas palavras que encaminham para um glossário e a incorporação de testes de escolha múltipla. O preço, que rondará os 15 dólares ou menos, também é uma mudança significativa no mercado dos manuais, que muitas vezes são considerados demasiado caros. Leia aqui, aqui e aqui.   


por Booktailors às 16:00 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12


O grupo norte-americano Classic Media já adquiriu os direitos de personagens de programas de televisão e livros infantis como Postman Pat e Rupert the Bear. Leia mais no The Guardian.

Etiquetas:

por Booktailors às 15:00 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12

Relembramos que está aberto o período de votação para a 4.ª edição dos Prémios de Edição LER/BOOKTAILORS.

 

Os interessados poderão votar até dia 15 de fevereiro. A votação do público contará 20 % na eleição final dos vencedores.

A cerimónia de entrega decorrerá na 13.ª edição das Correntes D’Escritas, no dia 25 de fevereiro, pelas 19.30. 

 

Para votar e seguir os resultados vá ao blogue dos Prémios de Edição LER/BOOKTAILORS.


por Booktailors às 14:30 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12

«O escritor Gonçalo M. Tavares venceu a quinta edição do prémio literário Fundação Inês de Castro, de Coimbra, com o romance Uma Viagem à Índia, foi hoje anunciado.» Leia no Diário Digital e no Público

Etiquetas: ,

por Booktailors às 13:00 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12

 

«A Livraria Portugal, a funcionar há sete décadas na Rua do Carmo, no Chiado, em Lisboa, vai encerrar devido à quebra nas vendas, revelou um dos sócios, António Machado. A histórica livraria, que faria 71 anos em Maio, chegou a ter 50 funcionários, restando hoje cerca de uma dezena.» Ler no Público

Etiquetas:

por Booktailors às 12:53 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12

Além de ser o país convidado da London Book Fair em 2013, a Turquia também vai juntar-se a outras feiras internacionais, nomeadamente as de Frankfurt, Paris e Bolonha. Veja aqui


por Booktailors às 12:00 | comentar | partilhar

Seg, 23/Jan/12

 

«Doze ilustradores inspiram-se em contos infantis e criam objectos do dia-a-dia 100% nacionais e ecológicos. Princess Pea de Catarina Almeida nasceu há três meses. […] A lista inclui Carla Nazareth, Eunice Rosado, Marta Torrão, Natalina Cóias, Paulo Galindro, Rachel Caiano, Teresa Lima, Afonso Cruz, Ana Afonso, Ana Oliveira, Pedro Serapicos e Raquel Pinheiro.» Ler no iOnline

 

Etiquetas:

por Booktailors às 11:14 | comentar | partilhar

Subscreva a nossa newsletter

* indicates required
Publicações Booktailors
Carlos da Veiga Ferreira: Os editores não se abatem, Sara Figueiredo Costa



PVP: 12 €. Oferta de portes (válido para território nacional).

Fernando Guedes: O decano dos editores portugueses, Sara Figueiredo Costa



PVP: 10,80 €. Preço com 10% de desconto e oferta de portes (válido para território nacional).

A Edição de Livros e a Gestão Estratégica, José Afonso Furtado



PVP: 16,99 €. 10% de desconto e oferta de portes.

Livreiros, ler aqui.

PROMOÇÃO BLOGTAILORS



Aproveite a oferta especial de dois livros Booktailors por 20 €.

Compre os livros Fernando Guedes: O decano dos editores portugueses, de Sara Figueiredo Costa e A Edição de Livros e a Gestão Estratégica, de José Afonso Furtado por 20 €. Portes incluídos (válido para território nacional).

Encomendas através do e-mail: encomendas@booktailors.com.

Clique nas imagens para saber mais.
Leitores
Acumulado (desde Setembro 2007):

3 000 000 visitas


Site Meter
arquivo

Setembro 2015

Agosto 2015

Julho 2015

Junho 2015

Maio 2015

Abril 2015

Março 2015

Fevereiro 2015

Janeiro 2015

Dezembro 2014

Novembro 2014

Outubro 2014

Setembro 2014

Agosto 2014

Julho 2014

Junho 2014

Maio 2014

Abril 2014

Março 2014

Fevereiro 2014

Janeiro 2014

Dezembro 2013

Novembro 2013

Outubro 2013

Setembro 2013

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Dezembro 2012

Novembro 2012

Outubro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Etiquetas

acordo ortográfico

adaptação

agenda do livro

amazon

apel

associativismo

autores

bd | ilustração

bertrand

bibliotecas

blogosfera

blogtailors

blogtailorsbr

bookoffice

booktailors

booktrailers

byblos

coleção protagonistas da edição

correntes d'escritas 2009

correntes d'escritas 2010

correntes d'escritas 2011

correntes d'escritas 2012

design editorial

dia do livro

direitos de autor

distribuição

divulgação

e-book

e-books

edição

editoras

editores

emprego

ensaio geral na ferin

entrevista

entrevistas booktailors

estado | política cultural

estatísticas e números

eventos

feira do livro de bolonha 2010

feira do livro de frankfurt 2008

feira do livro de frankfurt 2009

feira do livro de frankfurt 2010

feira do livro de frankfurt 2011

feira do livro de frankfurt 2013

feira do livro de lisboa

feira do livro de lisboa 2009

feira do livro de lisboa 2010

feira do livro do porto

feira do livro do porto 2009

feiras do livro

feiras internacionais

festivais

filbo 2013

fnac

formação

formação booktailors

fotografia | imagem

fusões e aquisições

google

homenagem

humor

ilustração | bd

imagens

imprensa

internacional

kindle

lev

leya

língua portuguesa

literatura

livrarias

livro escolar

livro infantil

livros

livros (audiolivro)

livros booktailors

london book fair

marketing do livro

mercado do livro

notícias

o livro e a era digital

óbito

opinião

opinião no blogtailors

os meus livros

poesia

polémicas

porto editora

prémios

prémios de edição ler booktailors

profissionais

promoção à leitura

revista ler

sítio web

sociologia e hábitos da leitura

tecnologia

top livros

twitter

vídeo

todas as tags