Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Lello no Jornal Sol (revista Tabu)

02.02.08
A revista Tabu do jornal Sol apresenta hoje um artigo de Sérgio Pires (fotografias de Sérgio Pires) sobre a Livraria Lello. O artigo tem o título "Livraria sem paralelo" e pode ser encontrado nas páginas 74 e 75.

Alguns excertos:

«A distinção [O Guardian classificou a Livraria Lello com a 3ª mais bonita do mundo, atrás da Boekhandel, de Maastrich, e da Ateneu, de Buenos Aires] soube a pouco, até porque as preferidas (...)são reconversões de uma igreja e de um teatro, respectivamente. "Era como se nós fizéssemos uma livraria nos Jerónimos ou no Teatro de S. João"» [testemunho de Antero Braga, proprietário].»

«Durante muitos anos a Lello foi livraria e casa editorial, mas recentemente concentrou-se exclusivamente na venda de livros»

«A mais-valia desta livraria antiga é obtida pela exploração das lacunas do self-service de venda de livros das grandes superfícies, ao estabelecer uma relação de confianças com o cliente. (...) Nunca dizemos que um livro está esgotado. Podemos não o ter de momento, mas garantimos que dentro de dias o faremos chegar a sua casa.»

«Mais do que uma livraria tradicional, a Lello procura afirmar-se como pólo cultural de excelência, de onde partem iniciativas como tertúlias, exposições, peças de teatro, sessões de poesia e onde inclusivamente já houve um desfile de moda e rodagem de filmes. «Parte do Xangô de Baker Street foi rodado aqui, como também uma produção luso-francesa»