Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Faleceu Rosa Lobato Faria

02.02.10
«A actriz, escritora e compositora Rosa Lobato Faria, de 77 anos, morreu hoje depois de ter sido internada há uma semana com uma anemia grave num hospital privado de Lisboa, avança a Antena 3.» Ler no Público.

«Rosa Lobato de Faria morreu hoje, aos 77 anos. A actriz e compositora tinha sido internada ontem devido a uma anemia grave. Já no ano passado, durante o mês de Agosto, a sua saúde tinha dado sinais de alguma debilidade, chegando mesmo a ser internada e obrigada a uma intervenção cirúrgica de emergência, na sequência de uma infecção intestinal grave. A actriz acabaria por melhorar, mas nunca totalmente. Em 2008, a autora de Sétimo Véu já tinha sofrido uma grande perda, com a morte do seu marido. "O tempo jamais curará a falta que ele me faz", confessou na altura.» Ler no jornal i.

«A escritora Alice Vieira, que com Rosa Lobato Faria colaborou em várias obras, considera injusto que seja sobretudo reconhecido o trabalho da autora na televisão e lamenta que ela nunca tenha tido "a aceitação que merecia por parte da crítica pelos seus romances, porque estava ligada à televisão e às cantigas”.» Ler no Público.

«O administrador delegado da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), José Jorge Letria, afirmou hoje que a morte de Rosa Lobato de Faria “deixa um grande vazio na vida cultural e literária em Portugal”. “Com a polivalência de Rosa Lobato de Faria não conheço outra na cultura portuguesa”, disse José Jorge Letria.» Ler no Público.

«O humorista e entertainer Herman José recordou hoje ao Público a "cumplicidade" e "amizade inabaláveis" que o uniam a Rosa Lobato Faria e explicou que foi com a autora e actriz que aprendeu "a arte científica de bem escrever poemas humoristicos". Rosa Lobato Faria morreu hoje aos 77 anos, vítima de anemia grave.» Ler no Público.

«A escritora Rosa Lobato de Faria foi uma "grande senhora" que marcará "para sempre" o panorama do teatro e da literatura em Portugal, disse hoje à Lusa o ex-diretor de programas da RTP Luís Andrade.» Ler no jornal i.