Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Entrevistas Booktailors: Osvaldo Coutinho

22.11.12

 

A partilha é uma componente essencial da leitura para Osvaldo Coutinho, daí que se tenha tornado um dos fundadores do Clube dos Leitores Vivos, um grupo fechado criado no Facebook, que reúne leitores em torno dos livros. Sem preferências de nacionalidade no que respeita à literatura, Osvaldo Coutinho prefere os autores, independentemente das suas origens.

 

Como faz as suas escolhas de leitura?

Normalmente, as minhas escolhas recaem nos autores, ou porque me despertam interesse ou simplesmente porque me são referenciados, quer por amigos quer pela comunicação social.

 

Lê os suplementos de cultura dos jornais para se guiar no momento de comprar livros?

Não necessariamente, mas sim, também.

 

Os meios de comunicação social falam pouco de livros?

Na minha opinião, assustadoramente pouco.

 

Em que tipo de superfícies compra os seus livros (cadeias de livrarias, hipermercados, livrarias independentes) e porquê?

Tenho o hábito de comprar os meus livros nas livrarias Almedina, não sei bem porquê, acho que simplesmente (e normalmente) têm espaços que me agradam.

 

Prefere literatura portuguesa ou estrangeira? E que género prefere?

Não tenho preferência pela literatura portuguesa ou estrangeira, gosto de autores simplesmente, mas sempre que posso tento valorizar escritores portugueses. Atualmente prefiro o género «romance» (leio, no entanto,  outros géneros), embora não seja qualquer tipo de «romance» que me agrada.

 

Na dúvida, a credibilidade da editora ajuda a tomar a decisão de comprar um determinado livro?

Não, de todo.

 

Há alguma editora cujo catálogo acompanhe?

Não necessariamente.

 

Frequenta os festivais literários, ou o contacto com o escritor não é importante para si?

Sim, frequento sempre que possível. Conheço pessoalmente alguns dos meus autores preferidos, que, aliás, não são assim tantos.

 

O aspeto gráfico do livro (capa, paginação, tipo de papel) é importante no momento da escolha?

Apenas porventura num momento de indecisão, não de escolha direta. Valorizo muito o tipo de papel, a sua textura e o seu cheiro. A paginação é-me quase indiferente, mas a capa, por vezes e só por si, é quase um chamariz quando bem desenhada e quando é dotada de uma boa composição gráfica.

 

Os livros são caros?

Não, de todo. Considero até que são vendidos abaixo do valor efetivamente justo.

 

Sente que é importante partilhar as suas leituras com amigos, bem como as conclusões que delas tira?

Para mim, sim, essencial. Faz parte…

 

Que livro está a ler neste momento?

Leio O Processo, de Kafka.

 

Qual o livro cuja leitura mais prazer lhe deu?

Aprender a Rezar na Era da Técnica, de Gonçalo M. Tavares.

 

Qual o escritor a que não consegue resistir?

Gonçalo M. Tavares.

 

 

 

Osvaldo Coutinho, nascido no Porto, tem 32 anos. É engenheiro civil/empresário de profissão e fotógrafo por paixão. Vive para viajar e viaja para fotografar. É o fundador do Clube dos Leitores Vivos.

-

Campanha «Formai-vos!»: desconto de 50% para desempregados e recém-licenciados. Novidades 2012: [Porto] Revisão de Texto - nível intermédio.