Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Nobel da Literatura diz que há censura em todos os países

07.12.12

 

«O escritor chinês Mo Yan, galardoado com o Nobel da Literatura 2012, disse esta quinta-feira em Estocolmo, onde recebe na segunda-feira o prémio, que existe censura em todos os países e não apenas na China.» Ler no Correio da Manhã.

 

«Mo Yan irá falar da sua vida na palestra que dará hoje em Estocolmo na Academia Sueca. Dificilmente abordará temas políticos.» Ler no Público.


«Prémio Nobel da Literatura chinês diz que um escritor deve falar da sua escrita. Mo Yan, como era esperado, não falou de política.» Ler no Público.


«Desde a chegada a Estocolmo que o novo Nobel da Literatura provoca polémica. Primeiro, a comparação da censura ao controlo de segurança dos aeroportos e a recusa em assinar uma petição pela libertação do Nobel da Paz de 2010, o seu conterrâneo Liu Xiaobo. Ontem, o discurso em que o "contador de histórias", na verdade, não falou.» Ler no Público.