Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

APEL disponível para voltar à Feira do Livro do Porto se a Câmara assim o quiser

15.09.14

 

«Quando a Câmara Municipal de Rui Moreira quiser retomar o diálogo para a organização futura da Feira do Livro do Porto, a APEL (Associação Portuguesa de Editores e Livreiros) estará disponível para falar e, quem sabe, voltar. Foi o que João Alvim, presidente da associação, defendeu nesta segunda-feira, destacando, no entanto, que a Feira do Livro de Lisboa, organizada pela APEL, e a Feira do Livro do Porto, organizada pela Câmara desta cidade, são eventos distintos com objectivos também eles diferentes.» Ler no Público.

 

«A Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL) está disponível para voltar a organizar a Feira do Livro do Porto, desde que se negoceie um acordo plurianual com a autarquia, disse hoje à Lusa João Alvim, presidente daquela entidade.

 

"Não se pode andar a organizar e a deixar de organizar ao sabor das boas e más vontades e de guerras políticas", considerou o presidente da APEL, ressalvando que a duração de um possível acordo seria " uma coisa a discutir" com a autarquia e frisando que "não se pode é andar numa situação de 'umas vezes sim, outras vezes não'".» Ler no Diário Digital e no Correio da Manhã.

 

«João Alvim declarou ainda que a Feira do Livro do Porto, "tal como foi desenvolvida este ano, é uma feira estruturalmente diferente daquela que a APEL faz", explicando que, embora até possa ser "um evento interessante, com muitas atividades", difere do modelo da APEL porque esse "não tem como objetivo o negócio" mas a "divulgação e promoção do livro, dos autores e da leitura".» Ler no Diário de Notícias.

 

«Em mais de oito décadas de realização do evento, este é o primeiro ano em que que a Câmara do Porto assume a total organização da Feira do Livro, antes promovida pela APEL, com quem o município mantinha um diferendo quanto aos custos da iniciativa.» Ler no iOnline.