Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Australiano Richard Flanagan ganha Man Booker Prize

15.10.14

 

«O australiano Richard Flanagan venceu o Man Booker Prize, com o romanceThe Narrow Road to the Deep North, inspirado pela experiência do pai como prisioneiro de guerra durante a Segunda Guerra Mundial.

 

Flanagan, de 53 anos, é o terceiro australiano a vencer este prémio que vale 50 mil libras (63 mil euros), depois Thomas Kenneally (Schindler’s Ark, 1982) e Peter Carey (Oscar & Lucinda, 1988 e The True History of the Kelly Gang, 2001).

 

O livro conta a história de um cirurgião preso num campo de trabalho entre a Tailândia e a Birmânia, conhecido como “o caminho-de-ferro da morte”.» Ler no Público. Ver na RTP.

 

«Esta foi a primeira edição do Man Booker Prize em que foram consideradas obras de todos os escritores de língua inglesa, incluindo autores norte-americanos, mas o vencedor acabou por ser um australiano, pela terceira vez na história do Man Booker Prize.» Ler no Diário de Notícias.

 

«Richard Flanagan tem seis romances publicados, um traduzido em português: O Livro dos Peixes de Gould, que venceu o Commonwealth Writers Prize, em 2002. A publicação do agora premiado The Narrow Road to the DeepNorth em Portugal não deve tardar. O vencedor ganha 50 mil libras, mas não só. “Ao ganhar o Man Booker Prize, um autor pode esperar reconhecimento internacional, já para não mencionar um aumento dramático nas vendas de livros”, escreve a própria organização.» Ler no Observador.

 

«Os dois grandes temas do berço da literatura são o amor e a guerra: este é um romance magnífico de amor e guerra”, disse o académico AC Grayling, que apresentou o prémio, na cerimónia em Londres.

 

O especialista sublinhou que “este é o livro que Richard Flanagan nasceu para escrever”.» Ler no Diário Digital.