Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Fernando Pessoa acusou Salazar de se ter afastado da inteligência portuguesa

18.02.15

«Fernando Pessoa, no último ano de vida, em 1935, acusou Salazar de ter afastado de si «o resto da inteligência portuguesa, que ainda o olhava com uma benevolência, já impaciente», numa carta que endereçou ao Presidente da República Óscar Carmona.» Ler no Diário Digital e no Correio da Manhã.

 

«Na introdução, o investigador [José Barreto] atesta que, se alguma "simpatia" houve de Fernando Pessoa (1888-1935) pelo regime corporativista, claramente se distanciou dele, nos inícios de 1935, dois anos após a aprovação da Constituição da ditadura do Estado Novo, "para dar lugar a um pensamento coerente de oposição a Salazar e ao seu regime".» Ler no Diário de Notícias, no Observador e no Expresso.