Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Frankfurt: Os editores na pegada do Netflix e do Spotify

10.10.14

 

«Durante os últimos anos, nesta mudança da indústria editorial - do impresso para o digital - fizeram-se muitas experiências. Umas resultaram e outras não. Outras ainda poderão vir a resultar, talvez tenham sido feitas cedo demais.

 

Pelo menos é nisto que acredita um dos homens mais poderosos no mundo editorial: Brian Murray, o presidente e CEO da HarperCollins - o segundo maior grupo editorial do mundo com operações em 18 países.

 

Desde 2008 que Brian Murray é o CEO deste gigantesco grupo (que publica cerca de 10 mil livros por ano em mais de 30 línguas) e foi responsável pela evolução da HarperCollins de uma editora tradicional para um grupo dinâmico, tanto no impresso como no digital, com lucros no valor de 200 milhões de dólares.

 

“A indústria editorial fez um óptimo trabalho. Colectivamente conseguiu transitar de um modelo de negócio que vivia maioritariamente do livro impresso para um modelo de negócio onde coabitam o impresso e o digital”, disse Murray na CEO Talk, a conferência que é sempre um dos eventos mais aguardados da Feira do Livro de Frankfurt e este ano decorreu no novo espaço Business Club Member.» Ler no Público e aqui.