Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Investigador de Coimbra cria «poeta artificial»

20.03.14

 

«Na prática, trata-se de "um sistema informático inteligente que se apoia em redes de palavras, relacionadas de acordo com os seus sentidos, e em padrões de versos, obtidos a partir da análise de poesia escrita por humanos, gerando a partir daí poemas em língua portuguesa sobre as mais diversas temáticas"(...)». Ler no Diário Digital.

 

«"Um dos pontos-chave deste poeta sui generis" é, de acordo com Hugo Gonçalo Oliveira, a sua "flexibilidade na criação de poesia".

 

O "PoeTryMe" tem a capacidade para "compor com as mais diferentes configurações", assegura o investigador e docente da Faculdade de Ciências e Tecnologia da UC.» Ler na RTP.

 

«Com este sistema, é possível, por exemplo, determinar "um conjunto de palavras que defina o domínio do poema, indicar o nível de surpresa, escolher a forma poética (sonetos, quadras, etc.) e decidir o sentimento (negativo ou positivo) transmitido" - e, no final da obra, "o sistema ainda pode explicar a sua escolha de palavras".» Ler no Jornal de Notícias.