Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Miguel Torga morreu há 20 anos

19.01.15

 

«São Martinho da Anta, Coimbra, e todo esse país que escreveu, assinala hoje os 20 anos da morte do homem que deu voz à planta que vinga na rocha.

 

Desabafo num apontamento necrológico no "Diário I", a 3 de Dezembro de 1935: "Morreu Fernando Pessoa. Mal acabei de ler a notícia no jornal fechei a porta do consultório e meti-me pelos montes a cabo. Fui chorar com os pinheiros e com as fragas a morte do nosso maior poeta de hoje, que Portugal viu passar num caixão para a eternidade sem ao menos perguntar quem era." Pode o autor dessas linhas gozar o repouso da eternidade sem sobressaltos. Ninguém esqueceu a "Mensagem" do poeta. Como ninguém esqueceu as prescrições do senhor doutor, os seus ecos do Marão, da terra, das gentes rurais, das searas, das vinhas, da natureza em movimento perpétuo. Ninguém esqueceu a voz inconformada de um país rochoso, com muita pedra por partir; um Portugal feito cântico em cada linha. O mesmo que demorou a entender a raiz humana desses "Bichos" (1940), nascidos para lentidão de uma polícia política sem génio para ler, quanto mais nas entrelinhas.» Ler no iOnline.