Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogtailors - o blogue da edição

Vencedor de prémio literário estava afinal preso

14.01.14

 

«Alaric Hunt, condenado a 30 anos de prisão, foi premiado pela Private Eye Writers of America pelo policial Cuts Through Bone.

 

Já desde 1981 que se dedica à ficção protagonizada pelo "private eye". Quer isto dizer que a principal voz na história deve ser um detective privado ou até um repórter. Chama-se Private Eye Writers of America e é uma organização que realiza concursos para premiar os melhores policiais de novos escritores. Em 2011 o eleito foi Alaric Hunt, autor de Cuts Through Bone, a história que os cativou. Só quando tentaram contactar o autor é que perceberam que ele estava preso.» Ler no iOnline.

 

«O livro ganhou um prémio literário - no valor de mais de sete mil euros - atribuído por uma associação de escritores americanos e pela editora Minotaur Books. No entanto, quando os responsáveis quiseram entregar o galardão ao autor ficaram a saber que está na cadeia. Foi preso na Carolina do Sul, nos EUA, em 1988, e condenado a prisão perpétua por homicídio.» Ler no Correio da Manhã.